12 de março de 2012

Dia Mundial da Poesia


Comemora-se, dia 21 do presente mês, o Dia Mundial da Poesia. De modo a assinalar a data serão realizados diversos eventos em torno da poesia, desde recitais a exposições, cuja informação pode ser consultada abaixo:

Este ano, as BLX apresentam um vasto programa para comemorar o Dia Mundial da Poesia.
Assim, e apenas em 2 dias, vamos ter atividades para todos: escolas, famílias e adultos.
A entrada é livre. Cole-se às BLX!

PROGRAMA

21 Março

BM Palácio Galveias
Mostra bibliográfica sobre o Dia Mundial da Poesia
Para público em geral

Auditório BM Orlando Ribeiro
Palavras Cantadas concerto com Canto Hondo / 21h30
Espetáculo de palavras cantadas. Cantos do fundo do peito de autores inquietos, tradicionais e romanceiros de outrora, encostados clandestinamente às cordas de uma guitarra flamenca.
Para maiores de 12 anos. Bilhetes à venda no local no dia do espetáculo.

Biblioteca Quiosque Jardim da Estrela
Histórias Contadas em Poesias Inventadas / das 10h30 às 16h30
Pelo segundo ano, alunos e professores comemoram o Dia Mundial da Poesia e da Árvore nos Jardins de Lisboa. Sessões de histórias, ateliês de escrita criativa, artes plásticas, reciclagem, inglês.
Para Jardins-de-infância e escolas 1º Ciclo.

24 Março

Largo Camões
Mercado de Texturas e Cores / das 11h às 18h
Com criadores nas áreas do Artesanato Contemporâneo e Design, bem como ilustradores, em colaboração com a Arquitexturas.

Largo Camões
Livro Infantil/ das 11h às 18h
Venda de livros de literatura infantil pelas livrarias Gatafunho e Cabeçudos.

BM Camões
Histórias magnéticas / 15h
pela companhia Real Pelágio
Para crianças 7 aos 10 anos.
Reservas: isabel.a.monteiro@cm-lisboa.pt

BM Camões
Catalunya Presenta/ 16h
Leitura de poemas pela Associación de la Catalunya

BM Camões
Declamação de poesias de Florbela Espanca / 17h30
Pela atriz Dalila Carmo

BM Camões
Cada passo é um passo / de 22 Mar a 13 Abr
Exposição sobre Lisboa com poesia de Philippe Despeysses e fotografia de Hervé Hette.
Maratona poética
24 Mar 2012 - 11:00 às 19:00

Diversos espaços do Centro de Reuniões

Entrada livre sujeita à capacidade de cada uma das salas, excepto para o espectáculo Bom dia Benjamim

Pelo quinto ano consecutivo e numa iniciativa conjunta do Plano Nacional da Leitura (Ministério da Educação e Ciência e Secretaria de Estado da Cultura) e do Centro Cultural de Belém, comemoramos no dia 24 de março, o Dia Mundial da Poesia. Um programa intenso, ao longo do dia, que se inicia a partir das 11h com a Feira do Livro de Poesia, vários espaços onde a poesia portuguesa é dita por poetas, actores e personalidades. O indispensável espaço para os espontâneos, Diga lá um Poema e um conjunto de oficinas e actividades que a Fábrica das Artes organiza para todas as idades. Este ano, a Maratona da Leitura é dedicada a Jorge de Sena. “Manuscritos” é a exposição que está patente na Galeria Mário Cesariny. O êxito das primeiras edições leva-nos a dar continuidade ao Concurso de Poesia dirigido às escolas, cuja selecção final terá lugar no CCB, com a atribuição de prémios para os melhores poemas. Este ano vamos, ainda, ter um espaço dedicado à Poesia Latino Americana, organizado em colaboração com a Casa da América Latina.
O Centro de Reuniões, o Centro de Espectáculos e todos os espaços intermédios vão ser vividos num ambiente de festa com muita poesia, para todas as idades.

Programa

11:00 – 19:00

Feira do Livro de Poesia | Entrada do Centro de Reuniões – Piso 1
Na entrada e recepção do CCB poderá encontrar o seu poeta preferido, ou último livro de poesia editado.
Organização: Jazz
INCM | Passagem ½ Sul - Piso 1
Posto de venda de edições e publicações da Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Organização: Imprensa Nacional – Casa da Moeda

Diga lá um poema | Bengaleiro norte – Piso 1
Leituras em voz alta abertas ao público. O espaço é montado como um estúdio de gravação, com um estrado e um microfone. O público é convidado a dizer poesia em frente a uma câmara. As gravações são passadas, em diferido, em vários écrans distribuídos pelo CCB.

Exposição Manuscritos | Galeria Mário Cesariny
O manuscrito do punho de um escritor é sempre um testemunho precioso da sua luta pela expressão. Esta exposição, para além de apresentar documentos do maior interesse para a obra dos poetas participantes, traz a público uma novidade absoluta: o conjunto de rasuras e alterações manuscritas feitas por Eugénio de Andrade nas páginas de um exemplar da primeira edição de Obscuro Domínio.

Jorge de Sena
Um homem prodigioso | Um filme de Joana Pontes
Sala Eugénio de Andrade
Uma evocação, ao mesmo tempo rigorosa e poética, do universo de um dos maiores escritores portugueses do século XX, com registos filmados de intervenções de Jorge de Sena, depoimentos de familiares e amigos, e a revisitação de lugares da sua vida.

15:00
De viva voz | Sala Luis de Freitas Branco – Piso 1
Poetas e outras personalidades dizem poesia sua ou de outros.
Apresentação / coordenação: Inês Fonseca Santos
Ana Luisa Amaral
António Osório
Armando Silva Carvalho
Carlos Alberto Machado
Daniel Jonas
Filipa Leal
Frederico Lourenço
Jaime Rocha
José Mário Silva
Manuel António Pina
Margarida Ferra
Maria Teresa Horta
Miguel-Manso
Nuno Júdice
Pedro Tamen

15:00
Maratona de Leitura - Jorge de Sena | Sala Fernando Pessoa – Piso 2
Selecção de poemas de Jorge de Sena ditos por diferentes personalidades.
Apresentação / coordenação: Pedro Lamares
Almeida Faria
Emílio Rui Vilar
Fernando Pinto do Amaral
Francisco José Viegas
Isabel Alçada
Joana Carneiro
Joana Pontes
Jorge Fazenda Lourenço
Jorge Vaz de Carvalho
Luis Filipe Rocha
Nuno Crato
Paula Moura Pinheiro

Deserto do real – A nova poesia portuguesa, alguns poetas para hoje 
Aula aberta | Sala Sophia de Mello Breyner – Piso 2

António Carlos Cortez - Poeta, crítico literário (JL; Relâmpago, Colóquio-Letras e outras publicações da especialidade) e professor de Literatura Portuguesa. Publicou cinco livros de poesia (Ritos de Passagem, 1999; Um Barco no Rio, 2002; A Sombra no Limite, 2004; À Flor da Pele, 2008; Depois de Dezembro, 2010) e «Nos Passos da Poesia - a pedagogia do texto lírico» (2005).

A poesia portuguesa, revisão de alguns casos novos. Sete poetas e alguns poemas comentados. Questões de linguagem e visão do mundo. Entre o cepticismo e a mágoa, de que modo algumas das novas vozes da poesia portuguesa se posicionam face à tradição poética e face a um tempo marcado pela decepção, pela hipótese de um fim na «esperança do futuro». Como construir essa esperança?

15:00
Poesia Latino Americana | Sala Almada Negreiros – Piso 1
Realizado em colaboração com a Casa da América Latina.
Poeta convidado: Armando Romero -  Um dos mais destacados poetas Colombianos, nasceu em Cali, em 1944. Pertenceu ao grupo inicial do nadaísmo. Na Grécia escreveu a sua primeira novela, Um dia entre as cruzes (1993) e o livro de poemas, Cuatro líneas (2002). A sua novela La rueda de Chicago (Bogotá, 2004) ganhou o Prémio de melhor novela de aventuras (Latino Book Festival, New York, 2005). Foi distinguido com o título de Charles Phelps Taft Professor da Universidade de Cincinnati. Em 2008 recebeu o título de Doutor Honoris Causa da Universidade de Atenas, Grécia.

15:00
Latino-americanos residentes em Portugal dizem poesia da América Latina (cada leitor escolhe poetas na sua língua de origem).

Apresentação por José Manuel Fajardo

17:00
Lançamento da Antologia de Poesia Colombiana
Apresentação por German Santamaria Barragan (Embaixador da Colômbia em Portugal), Lauren Mendinueta (organizadora), Nuno Júdice (tradutor) e Manuel Alberto Valente (editor).

17:30
Armando Romero fala e diz poesia.

Programa Educativo

11:00 – 19:00

Imagem B - João Concha | Exposição | Foyer Sophia de Mello Breyner

Em IMAGEM B reúnem-se elementos da longa série “ALICE”, decorrendo de pesquisa plástica sobre a protagonista de "Alice's Adventures in Wonderland" e "Through the Looking-Glass", de Lewis Carroll.
Apresentam-se ainda alguns trabalhos de ilustração da série “O Amor é”, exercícios de colagem digital a partir de expressões/clichés sobre essa palavra difícil.
Público-alvo – para todos, pais e filhos

Imagem B - João Concha | Oficinas | Salas Foyer Sophia de Mello Breyner

Escrita criativa, ilustração, construção de livros, performance, música. Três propostas diferentes baseadas na exposição de João Concha, coordenadas por José Mateus.
Monitores José Mateus, Joana Ratão, Alexandre Esgaio, Patrícia Andrade, Diogo Branco, Carla Duarte
Público-alvo – para todos, pais e filhos

Espectáculos

11:00 •
O Fraseador | Espectáculo | Sala de Ensaio
O Fraseador é um espectáculo que nasce do universo poético da língua portuguesa. Vamos pôr o objecto mais mágico do mundo no lugar mais mágico do mundo: um livro no teatro. Ou melhor… uma “chuva” de livros num teatro e um actor, no meio das palavras, a contar histórias e a ler poemas.
Construído a partir dos poemas de Álvaro Magalhães, António Torrado, Fernando Pessoa, João Paulo Seara Cardoso, Manuel António Pina, Manoel de Barros, entre outros
Duração 50m
Público-alvo - a partir dos 6 anos

15:30
Bom dia Benjamim (espectáculo) seguido de Concurso Faça lá um Poema (entrega de prémios) | Pequeno Auditório
Bom dia Benjamim - Onde os desenhos animados e o teatro se encontram.
Espetáculo com encenação de Teresa Sobral, texto de Nuno Artur Silva, Rui Cardoso Martins e Miguel Viterbo e direcção musical de Paulo Curado e José Peixoto

Concurso Faça lá um Poema - Concurso de Poesia para escolas, em colaboração com o Plano Nacional de Leitura.
Apresentação: Benjamim
Entrega de Prémios aos 12 alunos vencedores, dos quatro níveis educativos:
1º Ciclo do Ensino Básico / 2º Ciclo do Ensino Básico / 3º Ciclo do Ensino Básico / Ensino Secundário. Patrocínio da LeYa e TMN
Preço do bilhete 5,33€
Público-alvo A partir dos 3 anos e famílias

• Deverão ser levantadas senhas para os programas assinalados. Estas senhas serão entregues na fila á entrada do Pequeno Auditório, 30 minutos antes da hora do evento, até ao limite da capacidade da sala, (máximo 4 senhas por pessoa).
Comemorações do Dia Mundial da Poesia

Poetas convidados lêem os seus poemas: com Alice Vieira, António Carlos Cortez, Fernando Pinto do Amaral, Filipa Leal, Gastão Cruz, José Tolentino Mendonça, Maria Teresa Horta e Nuno Júdice.

21 de Março | 18h30 | Casa Fernando Pessoa

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...